Domingo, 11 de Junho de 2006

Pequenas coisas dos dias que passam

afinal o país existe, as cervejeiras agradecem a preferência, e a rapaziada lá conseguiu vencer o Portimonense, perdão, o Varzim, ou foi o Paços de Ferreira, ou o GEA (grupo excursionista Angolano) por 1-0 e eu enquanto curioso destas coisas da bola, diria que levámos uma banhada,

 

…. mas sou eu que não entendo nada, porque um dos milhares de eruditos desta coisa do pontapé no esférico, que aparecem aos magotes por tudo o que é televisão, comenta neste momento que era esperado um jogo difícil…, pudera, contra equipas destas,

 

                          e já agora, estes repórteres da nova vaga que fazem aquelas perguntas inteligentes a crianças e velhinhos – então, quem é que vai ganhar?, e por quantos?, e quem é que marca os golos?,

 

     e que me tiram do sério ao fazerem estas perguntas de uma idiotice profunda, a gritar!, em que escola terão aprendido estas pérolas?, ou será que foram à escola?,

 

     mas, prontos, este foi o assunto sério do dia, vamos passar agora para as futilidades tarecas. Diz o Saramago que “não ficou rigorosamente nada do 25 de Abril”. Digo eu que está enganado, porque do 25 de Abril ficou um revanchismo odioso que se tem abatido pesadamente sobre o povo e que liquidou tudo o que se designou como “conquistas de Abril”, com juros. Curiosamente, o actual poder, dito socialista, tem-se distinguido nesta área.,

 

                                 agora que o José já nos empenhou por várias gerações a pagar as infra-estruturas do que seria uma obra vital para o país, uma reserva estratégica de água, prepara-se para entregar a dita obra estratégica ao turismo e ao imobiliário que é o que nós merecemos.,

 

                                                        o mudo de Belém segue os passos do seu antecessor e começa igualmente a distribuir medalhinhas a tudo o que mexe, distinguindo-se no facto de agraciar em primeiro os mais amigos,

 

                            ....,  o nosso amigo Francis tem um aviso urgente no seu blog, parece que a (in)segurança social arranjou um modo expedito de fazer cortes na despesa,

 

                   e fica uma dúvida. A GNR já sabe o que fazer em Timor. O Freitas já tratou do assunto?


publicado por AC às 22:34

link do post

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.Junho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


.posts recentes

. Enfim os combustíveis

. O Homem do Leme

. É desta!

. Há sempre uma forma de ch...

. Deve ser da Latitude....

. Sacudindo a água do capot...

. Ingenuidade dos cidadãos

. CSI

. Surpresa ????

. Segurança no trabalho...e...

.arquivos

. Junho 2008

. Maio 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

.links

.ico

blogs SAPO